Advertisements
Feeds:
Artigos
Comentários

Archive for Junho, 2010

Festa à chegada…

… a Norte e a Sul.

Os jogadores que regressaram a Pyongyang foram recebidos com alegria, pelos familiares e pelos fãs; e os jogadores que chegaram a Seul também.

No regresso às capitais da Coreia – que ficam apenas a 194 quilómetros de distância -,  estas são algumas das notícias que os jogadores vão encontrar:

A Norte

Quality Waterproof Liquid Made

Anniversary of Kim Jong Il’s Work Observed

A Sul

Seoul 14th in cost of living for expats

Top ‘hallyu’ star Park Yong-ha commits suicide

Anniversary of Kim Jong Il’s Work Observed
Advertisements

Read Full Post »

À pressa…

… porque o dia tem sido frenético, só há tempo para títulos e um vídeo surpreendente.

New spy planes to be deployed by 2014

Coreia do Norte vai reforçar arsenal nuclear

North Korea issues warning to US over truce village

Coréia do Norte – Moraria Lá ???

E só para descontrair, veja-se este vídeo da televisão norte-coreana sobre um parque de diversões. Confesso que quando lá estive nunca vi assim tanta luz…a noite em Pyongyang é escura como breu. Um facto que pude comprovar.

Read Full Post »

A Península da Coreia disse adeus ao Campeonato Mundial de Futebol, na África do Sul. Depois da Coreia do Norte, agora foi a vez Coreia do Sul, que perdeu por 2-1 frente ao Uruguai.

Depois do mundial de futebol, a Coreia do Norte prepara agora o jogo das cadeiras do poder. No início de Setembro, o Partido Coreano dos Trabalhadores vai eleger novos líderes, naquilo que pode significar o início do processo de sucessão de Kim Jong-il (obrigada Francisco pela sugestão).

Este fim-de-semana, a Coreia do Norte recebeu mais uma condenação pelo ataque à corveta sul-coreana, em Março. O G8 (grupo dos sete países mais desenvolvidos, mais a Rússia) assinou um documento, onde se pede que sejam tomadas as “medidas apropriadas” contra os responsáveis.

A Coreia do Norte continua a negar o ataque mas diz estar disposta a falar sobre o assunto com a Coreia do Sul, sem meter os Estados Unidos ao barulho.

O presidente Obama continua a ter milhares de soldados na Coreia do Sul e, em caso de guerra, as operações seriam controladas pelos Estados Unidos. A cedência desse controlo para as mãos sul-coreanas estaria prevista para Abril de 2012 mas, tendo em conta actual o clima de tensão (será que não foi sempre assim?), o prazo foi novamente adiado para 2015.

Os Estados Unidos andam a aborrecer de tal forma a Coreia do Norte, que o regime do “Querido Líder” está a jogar – mais uma vez – com o argumento do prisioneiro.

O norte-americano Aijalon Mahli Gomes está preso, desde Janeiro, por entrar ilegalmente na Coreia do Norte. Mas o caso parece estar a ser mais difícil de resolver do que o das duas jornalistas norte-americanas, Lisa Ling e Euna Lee. Os Estados Unidos pediram a libertação de Gomes, mas a Coreia do Norte vem agora dizer que até está é a pensar em aplicar uma pena mais pesada a Aijalon Mahli Gomes. Esta é a notícia publicada pela KCNA, a agência de notícias norte-coreana:

Pyongyang, June 24 (KCNA) — The U.S. is escalating the campaign to put international pressure upon the DPRK while persistently antagonizing the DPRK over the “Cheonan” case. Such moves have gone beyond the tolerance limit.

The DPRK had already solemnly declared that it would consider the prevailing situation as a war phase and handle all relevant issues according to a wartime law.

An institution concerned is now examining the issue of what additional measure it will take against American Gomes in line with a wartime law. He is serving a prison term in the DPRK for the encroachment upon its sovereignty.

The U.S. government is requesting the DPRK to leniently set him free from a humanitarian stand, but such thing can never happen under the prevailing situation and there remains only the issue of what harsher punishment will be meted out to him.

If the U.S. persists in its hostile approach toward the DPRK, the latter will naturally be compelled to consider the issue of applying a wartime law to him.

E em Pyongyang está nesta altura uma delegação portuguesa da juventude comunista e também Tiago Vieira, que é o presidente da Federação Mundial da Juventude Democrática (julgo que Tiago é português). Juntamente com outras delegações, estão a preparar 17º Festival Mundial da Juventude e Estudantes. A KCNA informa:

Pyongyang, June 24 (KCNA) — Tiago Alexandre Ferraz Vieira, president of the World Federation of Democratic Youth, and his party, delegations and delegates of youth and student organizations from different countries and regions arrived here today to participate in the second international preparatory meeting for the 17th World Festival of Youth and Students and the international solidarity events of youth and students for support to the just cause of the Korean people.

(ler mais)

Read Full Post »

Regresso a Casa

Mais uma derrota na hora da despedida, desta vez por 3-0 frente à Costa do Marfim.

Ainda assim, o treinador Kim Jong-hun encara esta participação no mundial como positiva:

“Acho que a experiência é positiva. Apesar das três derrotas, fizemos pelo menos duas boas partidas. Esta competição pode nos ajudar a lançar as bases para progredirmos e voltarmos. Esta Copa do Mundo nos foi muito útil. E até o último minuto da última partida, os jogadores jamais desistiram de tentar.”  (tradução do site da FIFA)

E tanto se ouviu nos últimos dias que muitos fazem a pergunta: e agora? Agora, o futuro dos jogadores ao governo de Pyongyang pertence e esse só muito dificilmente será divulgado e confirmado.

Para ouvir o pequeno – muito pequeno – trabalho que fiz para a Antena 1 com o professor Leonid Petrov, a propósito desta questão, basta carregar neste link: E Depois do Mundial?

Assim que possa, publico aqui a entrevista completa. Fica prometido!

Read Full Post »

25 de Junho de 1950. Quatro horas da manhã. Paralelo 38.

Ouvem-se os primeiros disparos da artilharia norte-coreana em direcção aos ROK (soldados sul-coreanos). Em pouco tempo, todas as posições do paralelo 38 estavam ocupadas. A Norte e a Sul. Às 11 da manhã, a República Popular Democrática da Coreia (Coreia do Norte) faz uma declaração formal de guerra, dizendo que o Sul tinha atacado primeiro. Ninguém acreditou. As hostilidades só acabaram daí a três anos, com a assinatura de um armistício. Nunca com um Tratado de Paz.

A Guerra da Coreia começou há 60 anos. Uma guerra entre irmãos que terá feito quatro milhões de mortos.

Este é o melhor documentário que encontrei sobre a Guerra da Coreia e está em castelhano.

Read Full Post »

[KCNA/AFP/Getty Images]

Há cada vez mais evidências de que os norte-coreanos estão a ter consciência daquilo que se passa fora de portas. Interessante e prometedora esta informação publicada pela NPR:

Conventional wisdom holds that the people of North Korea are trapped in a world of rigid conformity, totalitarian discipline and complete isolation from the rest of the world.

But increasingly another picture is emerging: North Koreans are far more aware of the outside world, according to evidence provided by North Korean refugees, South Korean humanitarian aid workers, Chinese traders and others. (ler mais)

E o repórter Cathal Kelly, do jornal The Star, encontrou uma forma de quebrar o muro que rodeia a selecção norte-coreana no mundial da África do Sul. Cathal ficou ferido num pedaço de arame farpado e deu por ele a receber tratamento do médico da equipa da Coreia do Norte. Aqui fica uma parte desse relato:

The arena sits hard up against a neighbourhood of tightly packed adobe bungalows. A 2 ½-metre wall topped by razor wire surrounds it. We were told to park alongside the wall. A Portuguese film crew had arrived before us. We pulled up beside them, the rear of our car pressed up against the wall.

I got out to stretch my legs. The police lazily regarded me from behind a wrought-iron fence.

People who’ve spent time in South Africa have told me that after a few months, you stop noticing the razor wire. It’s everywhere — around businesses, houses, public parks, churches. What took them months must have taken me 10 days.

I slipped around behind the Portuguese TV truck, daydreaming. The first thing I felt was a tugging. When I flinched, I felt a ripping. On the section wall I was passing, the razor wire spilled over, hanging about 2 metres above the ground. It caught me on the crown of my head and tore two jagged strips in my bare scalp. There was an impressive amount of blood.

I leaned forward to keep the stream off my clothes. Jean-François jumped out of the car. I explained what had happened. He ran off to get the police. The Portuguese had some napkins.

It didn’t hurt badly, but I wanted to disinfect it as quickly as possible. I walked over to where Jean-François was negotiating with the police.

“What happened?” one cop asked, not moving from his stool.

“Razor wire,” I pointed.

(ler mais)

Read Full Post »

Hoje falei com Leonid Petrov, um professor russo que dá aulas de Língua e História da Coreia, na Universidade de Sydney, Austrália. Quis saber qual era a sua opinião sobre os rumores que correm à volta do futuro dos jogadores norte-coreanos. Estou a preparar um pequeno trabalho sobre esta questão para a Antena 1, que vai ser transmitido amanhã, o dia em que a Coreia do Norte se despede do Mundial de Futebol 2010.

Leonid Petrov tem um dos blogues que mais vezes espreito para saber o que se passa na Península Coreana e também organiza viagens para a Coreia do Norte. Considero-o uma das pessoas mais imparciais na análise deste tema. A seu pedido, passo a divulgar a próxima viagem que Petrov está a organizar e que aceita jornalistas:

Are you interested in travelling to NK for the  7th  Pyongyang International Science & Technology Book Fair (15-17 Sep.) and the 12th Pyongyang International Film Festival (17-24 Sep.)?

See below the conditions. Feel free to spread the word.

Universities, science and technology research institutions and publishing houses might be interested in participating in this book exhibition.

PISTBF introduces and shares the world’s recent science and technology achievements through books exchange and aims to develop friendship and cooperation between the nations.

All institutions and organisations interested in participation should contact L&J Development and Consultancy ( LJinfo@narod.ru ).

At the exhibition the participants they can conclude contracts of copyright and books sale with international organisations and North Korean publishing houses, they can discuss the practical issues, share the opinion and update their knowledge on the recent developments in world science and technology.

All the participants can exhibit recently published science and technology books, CDs and DVDs.

Exhibition dates: Sep. 15-17, 2010

Exhibition venue: Pyongyang International Cultural Exchange Centre

Sponsorship: Organising Committee of PISTBF, Committee of Cultural Exchange with Foreign Countries

Participation cost: Persons applying for participation before August 10, 2010 should pay 80€ per day (if application is made after that deadline – 100 € per day). This price  includes hotel cost, performance cost , internal transportation cost , interpretation cost and sightseeing cost.)

Rent of exhibition area: 4 square meters – 50€ ; 6 square meters- 80€;  9 square meters- 110€

The 12th Pyongyang International Film Festival (17-24 Sep.) encourages the development of national film in all countries under the motto “Independence, Peace and Friendship”. You will also attend the incredible ARIRANG Mass Gymnastics Show of 100,000 performers hosted at Pyongyang May Day Stadium, one of the biggest sport arenas in the World.

Journalists are welcome. The whole trip could be up to ten days long (14-25 Sep.). Just find a sponsor!
L&J DEVELOPMENT & CONSULTANCY
Business opportunities in Northeast Asia
********************************
8/b Luffman Crescent, GILMORE, ACT 2905, AUSTRALIA
Mob: +61-403076604
E-mail: LJinfo@narod.ru
http://LJinfo.narod.ru

Read Full Post »

Older Posts »

%d bloggers like this: