Advertisements
Feeds:
Artigos
Comentários

Archive for Janeiro, 2008

A Radio Free Asia (subsidiada pelos EUA) informa que a principal Orquesta Sinfónica da Coreia do Norte foi convidada a actuar em Londres e em Middlesbrough, em Setembro deste ano.

A notícia vem de um empresário britânico, David Heather, que garante que a BBC vai até transmitir os concertos em directo. David explica que Middlesbrough foi um dos locais escolhidos por ter sido aí que a selecção norte-coreana de futebol venceu a Itália por 1-0, no histórico campeonato mundial de 1966.

Na orquestra da Coreia do Norte tocam 120 músicos que vão actuar no dia 9 de Setembro no London’s Royal Festival Hall. Nesse mesmo dia, assinalam-se os 60 anos da criação de um Estado comunista a norte da península coreana, a República Popular Democrática da Coreia.

David Heather diz que os governos sul-coreano e britânico estão a patrocinar os concertos.

(recordo que em Fevereiro a Filarmónica de Nova Iorque vai actuar em Pyongyang)

Advertisements

Read Full Post »

 je.jpg

O jornal Toronto Star (Canadá) escreve que um cidadão canadiano, de origem coreana, está preso há dois meses na Coreia do Norte.

A notícia só foi divulgada agora porque havia a esperança de que a diplomacia fosse libertar Je Yell Kim, isto de acordo com um membro da família. 

Je Yell Kim tem cerca de 50 anos e prestava cuidados médicos dentários, como voluntário. 

O governo canadiano não confirma a notícia mas parece que a detenção de Je está ligada a questões de segurança nacional.

Read Full Post »

Os Estados Unidos dizem que ainda é muito cedo para riscar a Coreia do Norte da lista negra dos países que apoiam o terrorismo. Primeiro, diz o departamento de Estado norte-americano, é preciso que o governo de Kim Jong-il acabe de vez com todo o seu programa nuclear. 

A Coreia do Norte foi incluída nesta lista em 1987 pelo alegado envolvimento num atentado à bomba contra um voo comercial sul-coreano, em que morreram 115 pessoas. 

A par da Coreia do Norte, países como Cuba, Irão, Sudão e Síria também estão na lista negra dos Estados Unidos. É uma lista que impede, por exemplo, a contratação de empréstimos a taxas de juro reduzidas a instituições como o Banco Mundial e o Fundo Monetário Internacional.

Read Full Post »

 kim-dae-jung.jpg

Kim Dae-jung foi presidente da Coreia do Sul de 1997 a 2003.Em 2000 ganhou o  Nobel da Paz pelo esforço na reconciliação das Coreias. Esta quinta-feira criticou a extinção do Ministério da Unificação, anunciada pelo recém eleito presidente sul-coreano, Lee Myung-bak. Mais sobre Kim Dae-jung, aqui.

Read Full Post »

O horizonte mostra dias cinzentos nas relações entre Seul e Pyongyang.

As Coreias tinham previsto começar hoje um encontro de dois dias, em Kaesong (Coreia do Norte), em que iriam discutir a cooperação ferroviária e o transporte de atletas dos dois países aos Jogos Olímpicos de Beijing (Pequim).

A Coreia do Norte suspendeu o encontro porque diz que, com o início do ano, ainda há coisas a preparar. É uma decisão que pode escamotear um contra-ataque de Pyongyang ao presidente sul-coreano recém-eleito – toma posse a 25 de Fevereiro.

Lee Myung-bak anunciou há dias que vai acabar com o Ministério da Unificação durante o seu mandato.

Read Full Post »

As crianças norte-coreanas – ou apenas as de Pyongyang, digo eu – estão nas chamadas “férias de Inverno”.

A Agência Oficial do governo escreve que esta é uma ocasião para os alunos consolidarem conhecimentos e treinarem o corpo e a mente através de inúmeras actividades extra-curriculares.

Sin Yong Chol, chefe de uma secção do Palácio das Crianças, em Pyongyang, explicou à KCNA que nesses “momentos de lazer” estão incluídas as visitas a várias fábricas da capital, em que os alunos oferecem espectáculos à classe operária para aumentar a produção.

Questionei-me se não haveria aqui algum engano…

Então distrair os trabalhadores com um espectáculo de dança e de canto faz aumentar a produção?

Conhecerá o senhor Sin Yong Chol a fábula da cigarra e da formiga?

Já aqui deixei dois vídeos do Palácio das Crianças, mas hoje deixo várias imagens desse espectáculo que eu própria fotografei. Aquilo é tudo menos uma brincadeira. Profissionalíssimos. Impossível afastar os olhos!

 

Read Full Post »

A Coreia do Norte continua a violar sistematicamente os direitos humanos, utilizando como armas  a tortura, a execução pública e a perseguição.

A denúncia vem de Vitit Muntarbhorn, enviado das Nações Unidas para os direitos humanos naquele Estado comunista.

Numa conferência de imprensa em Tóquio, Vitit disse que, muito recentemente, lhe foram relatados casos de execuções públicas e que a tortura é uma prática diária no país de Kim Jong-il. Acusou o “Querído Líder” de desviar dinheiro para fundos de armamento que servem os militares e a elite norte-coreana.

Vitit vai compilar estas denúncias num relatório a ser entregue em Março às Nações Unidas. Nesta altura, está na capital japonesa em encontros com oficiais do governo de Tóquio e familiares de japoneses raptados há alguns anos pela Coreia do Norte.

Read Full Post »

Older Posts »

%d bloggers like this: