Feeds:
Artigos
Comentários

Archive for 28 de Junho, 2007

relatorio-trafico-humano.jpg

O relatório do departamento de Estado norte-americano, que analisa o tráfico de seres humanos, tem virtudes e defeitos. A virtude, claro, está em expor a verdade. O defeito é tão somente o facto dos norte-americanos se auto-excluírem de um relatório que os próprios assinam.

Saltando este “pormaior”, aqui ficam algumas conclusões para a Coreia do Norte:

– Os norte-coreanos que fogem para a China, principalmente mulheres e crianças, são atraídos pelo aconchego no estômago, pelo emprego e pela liberdade. De olho nesta vulnerabilidade, muitos chineses aproveitam-se deste fluxo de fuga e atraem os norte-coreanos para a prostituição e para o trabalho e casamentos forçados;

– Para além disso, o regime de Kim Jong-il recruta um número indeterminado de norte-coreanos para trabalharem em empresas nacionais com representação no exterior ou em empresas internacionais. No entanto, alguns relatórios apontam para condições de trabalho desumanas, com fortes entraves à liberdade de movimentos e comunicação, sendo que os seus ordenados são depositados em contas controladas pelo governo da Coreia do Norte. Um dos países apontados como receptor desta mão-de-obra coreana é a República Checa. No entanto, em Janeiro, o ministro checo do Interior anunciou o fim deste programa. Até ao final de 2007, assim que o visto expirar, todos os norte-coreanos devem abandonar a República Checa.

Para saber mais sobre um relatório onde até se fala de Portugal, clique aqui.

Read Full Post »

%d bloggers like this: